segunda-feira, 2 de setembro de 2013

Leonardo Souza
Não adianta mais fingir que está tudo bem. Nessa próxima terça-feira (3) o Sindicato dos professores vai apresentar o pedido de impeachment da governadora do Rio Grande do Norte, a médica Rosalba Ciarlini, do DEM.

Não satisfeito com a greve, o sindicato deliberou formalizar o pedido de afastamento da gestora do Rio Grande do Norte, que desde o inicio da gestão, travou uma guerra com o SINTE e demais seguimentos de servidores públicos.
Esse ato vai consagrar o pior momento político vivenciado pela gestora nesses últimos 3 anos. Após perder o seu principal aliado governista, o PMDB, Rosalba está diante de uma batalha a ser enfrentada na Assembléia, já que a relação com o legislativo também está balançada.
Os professores já contam com a atenção dos deputados: Fernando Mineiro (PT), Gesane Marinho (PSD), Larissa Rosado (PSB), José Dias (PSD), Márcia Maia (PSB), Nelter Queiroz (PMDB) e Walter Alves (PMDB), que podem sim, votar favorável a formalização do ato e entrar em ressonância com o pedido de impeachment.
Fonte: no minuto

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Faça aqui o seu comentário.