sexta-feira, 23 de agosto de 2013

Praças da PM cobram andamento de projeto de promoções

Os cabos e soldados da Polícia Militar do Rio Grande do Norte realizam manifestação, na manhã desta sexta-feira (23), para cobrar o andamento de um projeto de lei que trata sobre a promoção dos praças dentro da corporação. O protesto ocorre em frente à Governadoria, no bairro de Lagoa Nova, em Natal. 
PMs querem andamento de projeto para promoções dos praças
A proposta, de acordo com os policiais, foi encaminhada em fevereiro deste ano, mas a tramitação foi suspensa. Com o andamento, os praças teriam a possibilidade de buscar promoções dentro da corporação, o que não estaria sendo possível há anos.

Segundo o presidente da Associação de Cabos e Soldados da PM do RN (ACS), Roberto Campos, a PM potiguar é a única do país que não tem nenhum praça como "terceiro sargento". Segundo ele, isso ocorre porque a última seleção interna na corporação para o cargo foi há 16 anos, enquanto não há seleção para novos cabos há 12 anos.
Manifestação teve início na sede da ACS e destino é Governadoria
Os policiais militares querem uma audiência com a governadora Rosalba Ciarlini para apresentarem um documento solicitando o andamento do projeto. Não há, no entanto, a confirmação se a chefe do Executivo vai receber os manifestantes.
PMs querem andamento de projeto que trata sobre as promoções dentro da corporação
O presidente da ACS, Roberto Campos, sugeriu aos policiais que não desfilem no dia 7 de setembro caso a governadora não marque audiência até o dia 5 de setembro com a categoria para discutir sobre o projeto para as promoções.

Polícia Civil

Em greve, os policiais civis também apoiam o movimento e representantes do Sinpol estão juntos aos manifestantes. Sobre a pauta dos civis, haverá uma reunião na segunda-feira (26) com o secretário do Gabinete Civil, Carlos Augusto Rosado, onde haverá a discussão sobre os pleitos da categoria. Entre os pontos principais está a garantia de melhorias nas condições de trabalho dos policiais e andamento do projeto que trata sobre o estatuto do Itep.

Fonte: Tribuna do Norte
=================================================================================
Ob.: Além da valorização desses e de todos os profissionais, deveria haver à desmilitarização da PM e dos Bombeiros militares.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Faça aqui o seu comentário.