segunda-feira, 4 de fevereiro de 2013


CARRO FORTE É SEQUESTRADO EM HOSPITAL E MOTORISTA É ABANDONADO COM BOMBA PRESA AO CORPO


João Pessoa (PB) - Um crime ainda a ser desvendado já causa pânico em João Pessoa, pela ousadia dos bandidos. Um carro forte de uma empresa de segurança foi sequestrado na manhã desta segunda-feira (04) enquanto abastecia caixas eletrônicos no Hospital Universitário Lauro Wanderley.

O motorista ficou no carro e foi sequestrado junto com o veículo. Os demais funcionários, quando voltaram para o carro, se surpreenderam com o sumiço do veículo e do motorista.

A polícia foi acionada e fez rondas nos bairros próximos ao local. Cerca de meia hora depois, o carro foi encontrado próximo ao posto da Polícia Federal em Bayeux e o motorista estava com uma bomba presa ao corpo.

De acordo com o inspetor Machado, da Polícia Rodoviária Federal, o Grupo Tático de Operações Especiais da Polícia Militar foi acionado retirar a bomba do funcionário da empresa.

O motorista trabalha na empresa Preserve e ainda não teve o nome divulgado. A empresa também não informou a quantidade roubada pelos bandidos após a explosão.

Policiais do Grupo Tático de Operações Especiais retiraram o explosivo do corpo do rapaz e o detonaram. O artefato será periciado, mas de acordo com análise preliminar, a bomba continha sulfato de amônia.

As evidências levam a crer que os bandidos já sabiam que ele era motorista da empresa de segurança. Na manhã de domingo (3), os bandidos foram até a casa da vítima, no bairro da Torre, e colocaram um explosivo junto a um botijão de gás.

Caso o motorista resolvesse denunciar, os bandidos detonariam os explosivos na casa da família. No momento em que os acusados foram ao local, havia cinco adultos e três crianças.

O motorista acredita que o bando seja do estado de Pernambuco, por causa do sotaque.

Ainda de acordo com a polícia, os bandidos detonaram explosivos no carro forte que foi abandonado próximo à Usina São João, em Santa Rita.

O valor levado pela quadrilha ainda não foi contabilizado. Ele informou que eram cinco homens armados com metralhadoras e fuzis.

PB Agora via Blog do Sargento Andrade

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Faça aqui o seu comentário.