sábado, 3 de março de 2012

Polícia Militar realização apreensão de armas e munições nomunicípio de Encanto/RN

Em diligência comandada pelo Cabo De Souza, Comandante do Destacamento Policial do Encanto/RN, com apoio do GTO do 7º BPM e Destacamento de Dr.Severiano, na manhã deste sábado(03) por volta das 5:30h, no Sítio Encanto do Meio, no município de Encanto/RN, foram apreendidas no interior da residencia do Sr. Francisco Pinto Sobrinho, conhecido por “Biré”, três espingardas, uma pistola de brinquedo, várias munições e acessórios, algumas facas, uma toca ninja (máscara) e um par de luvas preta, em cumprimento a dois mandados de Busca e Apreensão, expedidos pelo Juiz de Direito da Vara Criminal desta Comarca, solicitados pelo Delegado Regional Inácio Rodrigues.

Fonte: http://nossoparanarn.blogspot.com/

quinta-feira, 1 de março de 2012

”Carta do Cabo Jeoás – “Minha prisão demonstra uma postura de retaliação, insanidade e insensatez”


29/02/2012 -


Acs PM RN
Estou tranquilo e confiante, mas ninguém tem ideia das angústias e das tribulações que tenho enfrentado corajosamente e, às vezes, de forma solitária diante de uma prisão injusta, ilegal e sem nenhuma prova que me incrimine. Meu direito de defesa está sendo cerceado, pois meus advogados não estão tendo acesso ao processo, impossibilitando, assim, minha defesa.



Tenham certeza que estarei sempre à frente da luta por dignidade, respeito e democratização e em nenhum momento vacilarei nessa defesa. Não me arrependo de defender essa categoria e o farei quantas vezes sejam necessárias. Acredito que os homens e mulheres policiais e bombeiros do Rio Grande do Norte estarão firmes na defesa e construção de uma polícia mais justa e cidadã, que respeite e defenda os direitos humanos da sociedade e de seus trabalhadores. Pois não é crime lutar e sonhar por dias melhores e por uma sociedade melhor para todos. É dessa forma que alcançaremos respeito e valorização!
Postado pela Assessoria de Imprensa.

Nota do Blog: Em um país que se defende tanto o respeito a pessoa humana, é inaceitável esse tipo de postura praticada aos trabalhadores e trabalhadoras da área da segurança pública, em especial aos policiais e bombeiros militares que são tratados de forma diferencial (SEM VOZ E SEM VEZ,  SEM DIREITO A TER DIREITO). 

Agradeço aos meus amigos que demostram diariamente solidariedade e carinho nesse momento de dor e sofrimento. Agradeço a todos os sindicatos e organizações comunitárias, movimentos sociais e partidos políticos que demostraram apoio e solidariedade. Agradeço a todos os pastores e irmãos em Cristo que tem orado e intercedido junto ao Pai por nossa causa. Agradeço aos funcionários e diretores da ACS PM/RN que tem demostrado coragem e desprendimento em defender essa bandeira da democratização da instituição que tanto amamos. E em especial agradeço a cada policial e bombeiro que acredita na luta e que mesmo com todas as retaliações e dificuldades para garantir a segurança da sociedade tem demostrado sua dedicação e amor à profissão.

Agradeço a minha família que tem superado a ausência e apoiado nossa luta. A minha esposa, que está grávida, que só me faz pensar no dia em que sairei dessa prisão para cuidar dela e de minha filha. Minha luta é para que ela venha ao mundo e se orgulhe de ter um pai que defendeu seus princípios e ideais e lutou para que tenhamos verdadeiramente uma sociedade democrática, justa e livre.

Lutamos simplesmente para sermos tratados como qualquer cidadão brasileiro, mas somos tratados como bandidos e proibidos de reivindicar nossos direitos, com risco de prisão e exclusão, sem um devido processo legal como desmanda a constituição. A sociedade tem estado ao nosso lado nessa luta e tem demonstrado apoio e afirmado que deseja mudanças no formato de Segurança Pública. Tenho absoluta certeza que a sociedade não vai aceitar o tratamento que temos recebido e a postura do poder público de tentar criminalizar nossas lutas e de desqualificar nossas lideranças.

Somos submetidos, pelo poder público, a uma carga horária excessiva, sem direito a hora extra ou a direitos constitucionais de insalubridade, periculosidade e trabalho noturno. Não temos assistência médica adequada, nem tratamento pós-traumático, nem acompanhamento psíquico, nem social, não temos valorização profissional, nem plano de carreira na vida policial e ainda somos submetidos a um regime antidemocrático e ditatorial que nos impõe o silêncio, que nos rouba o direito de liberdade de expressão, da atividade sindical e política.

Somos homens e mulheres de coragem. Enfrentamos a criminalidade, defendemos o direito e a vida da sociedade e com essa mesma coragem e determinação aprendemos a defender nossos direitos. Não me arrependo de lutar por essa classe sofrida e sem o devido reconhecimento de sua dedicação. Enquanto cada um dorme, patrulhamos e, às vezes, arriscamos nossa vida para defender a sua. Mesmo sem estrutura e condições de trabalho, superamos as dificuldades para desempenhar nossa missão.

Em 2007, fui excluído da Polícia Militar por essa luta e depois reintegrado. Em 2009, tive prisão decretada em Roraima, por participar das negociações naquele estado, e agora cumpro prisão preventiva no BOPE/RN em nome da defesa de nossos direitos, da construção de nossa cidadania, dignidade e valorização profissional. Tenho certeza que minha luta não será em vão e que todas as perseguições e retaliações, que sofremos por defender nossa categoria, terão resposta no momento certo, pois já sabemos nos impor e nos fazer respeitar.

A minha prisão e a de outros companheiros policiais e bombeiros militares tem se demonstrado uma postura de retaliação, insanidade e insensatez. Uma tentativa de esconder uma realidade que assola o país desde 1997, época em que se iniciaram as primeiras greves da Polícia Militar pela reivindicação de um Plano de Valorização dos Profissionais de Segurança e a, consequente, modernização e eficácia do serviço de Segurança Pública. Passados 15 anos de lutas, mobilizações e greves por todo o país ainda não se tem resposta para essa realidade, pelo contrário, os gestores brincam e não encaram os problemas da Segurança Pública. Um exemplo emergente é a “epidemia” do uso de crack que se espalha pelo Brasil e que tem atingindo inclusive policiais e suas famílias. Precisamos de respostas. Não aceitaremos e nem nos calaremos mesmo nos calabouços, masmorras e prisões dessa falsa democracia.

Todo esse histórico, preocupa setores da sociedade que defendem a arbitrariedade, a imposição e a ditadura, ou seja, o retrocesso antidemocrático de exceção e de cerceamento dos direitos e garantias conquistadas por muitos que hoje estão no poder.

Em âmbito nacional participamos de debates e articulações estratégicas como a defesa da desmilitarização na 1º Conferência Nacional de Segurança Pública. Tema, que por sinal, foi o mais votado nos debates municipais e estaduais da conferência. Compomos o Conselho Nacional de Segurança Pública, no qual, já encaminhamos temas como: fim da prisão administrativa, financiamento da Segurança Pública, estrutura e condições adequadas de trabalho, matrizes curriculares nacionais e matrizes nacionais de legislação como código de ética e estatuto, dentre outros assuntos. Além de participarmos e construirmos, junto com a Secretaria de Direitos Humanos do Governo Federal, da elaboração das Diretrizes Nacionais de Defesa dos Direitos Humanos dos Profissionais de Segurança.

Participamos de negociações importantes como mediadores nos conflitos entre a categoria e governos estaduais e assim conquistamos vitórias como: a valorização salarial, a reforma nas legislações, o respeito e a ascensão social, intelectual e financeira. Em alguns estados conseguimos: a definição de carga horária, planos de carreira, ingresso com nível superior, aposentadoria aos 25 anos, paridade de direitos e deveres entre oficiais e praças e entre ativos e inativos e ao término de 2012 a média salarial nacional do policial militar será maior que R$ 2.000.

Não tenho a intenção de partidarizar essa retaliação, mas tenho a obrigação de politizar esse debate. Temos, de forma competente e comprometida, conscientizado e mobilizado a nossa categoria a nível nacional na luta pela desmilitarização. Questão que tem ganhado força e apoio da sociedade civil organizada.

quarta-feira, 29 de fevereiro de 2012

MERCADANTE PEDE QUE PREFEITOS FAÇAM ESFORÇO PARA PAGAR PISO A PROFESSORES.


No Senado, ministro apoiou o reajuste de 22,22% no piso salarial nacional.

Mercadante defendeu ainda o aumento no banco de questões do Enem.



O ministro da Educação, Aloizio Mercadante, afirmou na manhã desta quarta-feira (29) que “evidente que seja um esforço muito grande para estados e prefeituras” para o cumprimento do novo piso salarial dos professores. Mas, segundo ele, se não houver a valorização dos professores e a competição salarial perante outras profissões, a educação não apresentará avanços.
“Como que vai motivar os melhores jovens para educação se não há uma melhoria salarial? Tem que ter um equilíbrio”, afirmou Mercadante em sua primeira audiência na Comissão de Educação, Cultura e Esporte (CE) do Senado.
O valor do piso salarial foi reajustado pelo MEC na segunda-feira (27) para R$ 1.451 para professores de nível médio com carga de 40 horas semanais, o que representa 22,22% de aumento em relação a 2011. Prefeitos de todo o país foram nesta terça-feira (28) a Brasília em busca de apoio do Congresso Nacional para que o governo federal cubra as despesas com o novo piso nacional dos professores.
Enem
Na audiência, Mercadante mencionou ainda os problemas que o ministério enfrenta com o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). Segundo ele, “o MEC não tem culpa de o Brasil ser tão grande e diverso. Houve um avanço logístico, mas sempre será uma dificuldade”.
O ministro citou, como uma das primeiras providências para resolver os problemas de vazamento de questões, o aumento no banco de questões do Enem. De acordo com o ministro, “24 universidades já estão trabalhando online exatamente para alimentar o banco de questões do Exame. Quanto mais questões tiverem no banco, menos problemas e mais segurança nós teremos”.


Prefeitos foram ao Congresso pedir ajuda para pagar o piso.

O Enem apresentou problemas nas três últimas edições do exame, desde quando passou a ser usado como forma de acesso às instituições públicas de ensino superior - em 2009, houve furto de provas da gráfica; em 2010, problemas com a impressão dos cadernos de provas; e, em 2011, vazamento de questões em uma apostila distribuída a estudantes de um colégio em Fortaleza.
Sobre a Prova Brasil, exame aplicado a estudantes de ensino fundamental, Mercadante disse aos senadores que está em estudo a possibilidade de, além de português e matemática, incluir questões de ciência. Segundo sua assessoria, porém, a mudança ainda não foi definida.

Fonte: G1
Fotos: Foto: Natalia Godoy/G1


Nota do Blog: Se depender da atual gestão rafaelense, os educadores e a educação em geral ficará chupando o dedo.

RN: Homem é preso acusado de estuprar a própria mãe


Por Sérgio Costa
Foto: Sérgio Costa

 Policiais militares do município de Baía Formosa, distante 90 quilômetros de Natal, prenderam na tarde desta terça-feira (28), um homem de 27 anos acusado de estuprar e espancar a própria mãe. Luiz Cláudio Cardoso Lima foi preso sob força de um mandado de prisão expedido pela juiza Andrea Nascimento Cosmo, da comarca de Canguaretama.
De acordo informações repassadas pela polícia, o acusado, que é viciado em crack e em alcool, chegou em casa na noite do sábado (25) e espancou a mãe e exigiu dinheiro para comprar drogas. Depois da agressão, Luíz fugiu, mas no meio da madrugada ele voltou e estupro a vítima que já estava debilitada após o espancamento. A mãe de Luiz Cláudio é uma idosa de 63 anos.
Depois do crime, o acusado fugiu uma segunda vez e acabou sendo encontrado por policiais militares nas proximidades da cidade. No Centro de Detenção Provisória de Parnamirim, para onde foi levado, Luiz disse a reportagem do Portal BO que não lembra de nada que aconteceu pois estava muito bêbado e sob efeito de crack. "Eu tinha bebido e fumado umas pedrinhas. Não lembro de nada que eu fiz naquela noite", defendeu-se.
Com parte do cabelo e do bigode raspados, o acusado foi conduzido no final da tarde para o presídio provisório de Nova Parnamirim, em uma cela onde estão detidos presos de crimes sexuais.

Via: Portal BO

terça-feira, 28 de fevereiro de 2012

ATENÇÃO PRÉ-VESTIBULANDOS!


Comunicamos aos alunos do cursinho que a aula de química, prevista para o dia de hoje, foi adiada para amanhã(29) e será à tarde, a partir das 14h. As demais aulas continuam nos dias e horários já divulgado.

GOVERNO DO RN DIVULGA LISTA DE APROVADOS NO CONCURSO PARA PROFESSOR DO ESTADO


O Diário Oficial do Estado, edição de 28 de fevereiro de 2012 trouxe a relação de aprovados no concurso para professor do Estado do RN.

Clique AQUI e confira os aprovados no concurso:

Adolescente sofre tentativa de estupro no bairro Nações Unidas, em Pau dos Ferros/RN

Imag. Ilustrativa

Adolescente sofre tentativa de estupro na noite desta segunda-feira (27), a mesma encontrava-se no interior de sua residência na Rua Nova Zelândia,  Conj. Nações Unidas, em Pau dos Ferros/RN.
O fato ocorreu por volta das 18h20min, quando um homem de estatura mediana, trajando uma camiseta vermelha e usando um capacete vermelho, chegou em uma motocicleta fingindo esta procurando por uma pessoa, ao se aproximar da adolescente passou a pegar e acariciar as partes intimas da jovem, ao gritar por socorro, o homem  foge.
A Policia foi acionada e passou a realizar diligências, mais até o momento não obteve êxito.

Governo do RN começa distribuição de sementes nesta terça-feira


Será iniciada nesta terça-feira, 28, a distribuição de sementes pela Secretaria de Estado da Agricultura, da Pecuária e da Pesca (SAPE). O reabastecimento dos bancos de sementes começa por Mossoró, seguindo por PAU DOS FERROS, Umarizal, Assú e Caicó. "A intenção é concluir a distribuição nessas cidades até o próximo sábado", informou o coordenador do Programa de Distribuição de Sementes do Governo do Estado, Antônio Carlos Magalhães.
Currais Novos, Santa Cruz, São Paulo do Potengi, João Câmara e São José de Mipibu serão atendidos na semana seguinte.

Neste ano, o programa está sendo ampliado a partir da inclusão de novos municípios e a criação de diversos bancos de sementes, aumentando assim o número de agricultores beneficiados.

Segundo Antônio Carlos Magalhães, o Rio Grande do Norte agora conta com 1.103 bancos de sementes distribuídos em 149 cidades. "Só não serão atendidos os municípios (18) que não criaram os bancos de sementes", observou o coordenador, acrescentando que quase 40 mil pequenos agricultores terão acesso a sementes de feijão, sorgo, milho, arroz e algodão. 

Ao todo, serão 390 toneladas de sementes divididas da seguinte forma: 155 de feijão, 150 de milho, 60 de sorgo forrageiro, 20 de algodão e 5 de arroz, com investimento da ordem de R$ 3,4 milhões.

O secretário de Estado da Agricultura, da Pecuária e da Pesca, Betinho Rosado, destacou que 140 toneladas de sementes serão distribuídas com os produtores incluídos no programa neste ano, enquanto que os bancos de sementes antigos serão abastecidos com metade do volume do ano passado. "Isso por conta do bom inverno do ano passado que permitiu aos próprios agricultores manterem o estoque dos bancos em alta", ressaltou o secretário.
De Fato

segunda-feira, 27 de fevereiro de 2012

ATENÇÃO PRÉ-VESTIBULANDOS! ÚLTIMA SEMANA DE AULAS DO CURSINHO

Turma do cursinho pré vestibular

Esta semana, encerraremos as atividades do Cursinho pré-vestibular. O cronograma desta semana será o seguinte:
TERÇA-FEIRA: Aula de química, como professor Caio Sena.
QUARTA-FEIRA: Não Haverá aula!
QUINTA-FEIRA: Aula de redação, com o professor José Gevildo.
SEXTA-FEIRA: Aula de Literatura Brasileira, com o professor Redson. Lembramos que as aulas acontecerão das 8h as 11h da manhã.

domingo, 26 de fevereiro de 2012

Prestação de contas do ex-prefeito de Rafael Fernandes é desaprovada

Ex-prefeito de Rafael Fernandes
















Após a constatação de irregularidades na prestação de contas da Prefeitura Municipal de Rafael Fernandes, sob a responsabilidade do Sr. Mário Costa de Oliveira, O Ministério Público Especial, através de Parecer Ministerial do então Procurador Carlos Thompson Costa Fernandes, opina pela desaprovação da Prestação de Contas atinente ao 3º bimestre, exercício de 2002, das contas do Ex-prefeito da cidade rafaelense. O mesmo deverá devolver o dinheiro aos cofres públicos e pagar multa.