sábado, 11 de fevereiro de 2012

HOMENAGEM ESPECIAL AO PARTIDO DOS TRABALHADORES

O PT brotou como uma flor no asfalto, a partir da confluência de diversas forças populares que se uniram em torno de um objetivo comum: democratizar o nosso país, torná-lo um país de todos e todas.
Comemorar 32 anos do Partido dos Trabalhadores é sem dúvida motivo de muito orgulho e emoção, pois embora tenhamos muitos desafios a superar, temos convicção de que estamos no rumo certo. Em plena crise econômica gerada na sede do capitalismo euro-norte-americano, o Brasil se torna exemplo para o mundo ao combater a crise e ao mesmo tempo reduzir as imensas desigualdades sociais acumuladas desde o chamado "descobrimento". Não por acaso as pesquisas indicam que o PT é o partido preferido da população brasileira.
Quando assumimos o governo federal, não esquecemos que a verdadeira disputa política e ideológica se dá nas ruas, escolas, locais de trabalho, no campo e na cidade, por isso continuamos construindo e fortalecendo os movimentos sociais, a exemplo da CUT, do MST, da UNE e dos chamados novos movimentos sociais. O fortalecimento da sociedade civil é imprescindível para aprofundar nossa democracia, para efetivar o controle social das políticas públicas e para impulsionar transformações mais ousadas.

Comemoramos 32 anos de PT após o primeiro ano de mandato da presidenta Dilma Rousseff: a primeira mulher eleita presidenta. Este é o resultado da luta de homens e principalmente de mulheres que transformaram nosso partido num instrumento de luta contra o machismo. Além de mulher, Dilma é símbolo da luta pela democracia brasileira, pois participou ativamente da resistência à ditadura militar. Muitos ainda não sabem, mas vários daqueles que hoje ocupam espaços nos governos e parlamentos representando o Partido dos Trabalhadores têm trajetórias de luta que merecem ser transformadas em filmes. Alguns dizem que perderam a radicalidade e agora são reformistas, como se ainda enfrentássemos a ditadura militar. Mas nós lutamos justamente para que os conflitos ideológicos pudessem ser superados no campo do debate político, da síntese dialética, da construção de consensos possíveis. A nossa radicalidade permanece, continuamos defendendo o mesmo programa estratégico, mas deliberamos que a via para transformar nosso sonho em realidade é a via democrática.
Vamos juntos, pois o brotar de uma flor anuncia o princípio da primavera. Parabéns a todos nós que construímos o PT, filiados e não filiados, pessoas públicas ou anônimas. Estamos expressando o verdadeiro sentido de um partido político.
Fátima Bezerra, Deputada Federal-PT/RN


quinta-feira, 9 de fevereiro de 2012

Operação conjunta prende grupo que comandava tráfico de drogas em Cajazeiras/PB e Pau dos Ferros/RN



Fotos: Márcio Morais e Umarizal news



 

Uma operação conjunta realizada na manhã desta quinta-feira (9) por policiais civis da Paraíba e do Rio Grande do Norte resultou na prisão de dez pessoas acusadas de comandar o tráfico de drogas nos municípios de Cajazeiras (PB) e Pau dos Ferros (RN), vizinho ao município de Uiraúna, também Sertão da Paraíba. Cerca de 120 policiais participaram da operação, denominada "Cristal”.

Ao todo, a polícia da Paraíba cumpriu seis mandados de prisão por tráfico de drogas e fez outra prisão em flagrante. Entre os presos está Francisco de Sousa Silva, 30 anos, conhecido por "Eldinho”, que, de acordo com o delegado regional, Gilson Teles, comandava o tráfico na região de Cajazeiras. "Eldinho era o líder da maior quadrilha organizada que atuava em Cajazeiras”, destacou o delegado.

Também foram presos em Cajazeiras Maria Luzimar Cruz Pereira, 58 anos; o filho dela, Lucerlaneo Cruz Pereira, 28 anos, conhecido como "Cabeção”; Valter de Sousa Soares, 26 anos, conhecido como "Miúdo”; Elizabete Gomes Albuquerque, 26 anos, conhecida como "Beta”; Elmo da Silva Alexandre, 33 anos, e Eduardo da Silva Alexandre, 30 anos, conhecido como "Coca”. Este último foi preso em flagrante com oito pedras de crack, aproximadamente 400g da droga. Três pessoas foram presas no Rio Grande do Norte.

A prisão da quadrilha que atuava nos dois Estados foi o resultado de meses de investigação da Polícia Civil. De acordo com Gilson Teles, em dezembro do ano passado a polícia do Rio Grande do Norte prendeu em Pau dos Ferros sete pessoas que faziam o tráfico de drogas entre o município potiguar e o paraibano.

Segundo a polícia, entre os presos estava um cajazeirense conhecido como "Cristal”, que trabalhava como "mula” (transportador de drogas). "Depois dessas prisões, a Polícia do Rio Grande do Norte e da Paraíba se uniram e estudaram a movimentação do grupo que formava a maior quadrilha da região”, ressaltou o delegado regional. Com o grupo, foram apreendidos dois revólveres calibre 38, com munição.
*Sertão Informado

ATENÇÃOOO!!


COMUNICAMOS À TODOS OS ALUNO/AS DO CURSINHO PRÉ-VESTIBULAR, QUE EM VIRTUDE DO FALECIMENTO DA PROFESSORA ANTONIA FERNANDES(TOINHA DE BENTO), A ESCOLA ESTADUAL "JOSÉ FERREIRA DA COSTA", NÃO FUNCIONARÁ HOJE, NÃO HAVENDO POSSIBILIDADES DE ACONTECER A AULA DE GEOGRAFIA, COMO ESTAVA PREVISTO. SOMENTE AMANHÃ, O CURSINHO RETORNARÁ COM SUAS ATIVIDADES NORMAIS, COM AULA DE BIOLOGIA A PARTIR DAS 8H .


AGRADECE,

A COORDENAÇÃO

quarta-feira, 8 de fevereiro de 2012

ATENÇÃO PROFESSORES(AS) !!!


O Sindserpran, convoca todos os Professores/as do município de Rafael Fernandes, para uma reunião que acontecerá nesta quinta feira(09), a partir das 15h e 30min, no salão de eventos da Câmara Municipal, para tratarmos de assuntos de interesse da categoria.

Agradece,

A Direção

terça-feira, 7 de fevereiro de 2012

REUNIÃO ENTRE GOVERNO E ASSOCIAÇÕES DE POLICIAIS MILITARES TERMINA SEM SOLUÇÃO.

Após quase sete horas de tentativa de negociação entre associações de PMs em greve e representantes do governo da Bahia, terminou sem avanços a reunião realizada na tarde desta terça-feira (7), em Salvador. A informação foi confirmada pelo presidente da OAB da Bahia, Saul Quadros, e pela Secretaria de Comunicação do Estado (Secom).

"As negociações foram interrompidas depois de 24h [desde o início na segunda-feira], não chegamos a evoluir. A mesma proposta apresentada agora foi a do início da manhã. Lamentavelmente não chegamos a uma negociação", disse Quadros.

Segundo a Secom, durante o encontro os representantes dos PMs fizeram contrapropostas ao governo, e elas serão levadas ainda nesta terça-feira (7) para análise do governador Jaques Wagner.

Segundo o representante da OAB, o principal ponto de discórdia na negociação é a parte exclusivamente financeira, e disse que há avanços em relação aos outros pontos de revindicações. 
"Houve flexibilidade no que diz respeito à anistia para aqueles que participaram do movimento, não aqueles que agrediram a sociedade civil, que queimaram ônibus, aí o governo do estado não abre mão e também por parte da polícia militar também eles concordam com isso." Representante da OAB.

As pessoas que participaram do evento, mas que não praticaram nenhum ato de vandalismo, não seriam punidas, "não haveria nem inquérito instaurado contra eles", disse.

Segundo ele, ficou acertado que as pessoas que forem detidas porque tiveram prisão decretada não iriam para presídios de segurança máxima e ficariam na Bahia, em presídios militares, até que a Justiça decidisse a respeito disso.

GLOBO

Nota: Será que os policiais militres e bombeiros militares não são seres humanos ? será que eles não devem reivindicar os direitos os quais os são poldados ? acho que deveria se criar e aprovar uma lei para unificar as polícias e elaborar um  piso salarial a nível nacional, já que é uma categoria "especial". 

segunda-feira, 6 de fevereiro de 2012

ATENÇÃO PRÉ-VESTIBULANDOS!

O cronograma de aulas desta semana do cursinho Pré vestibular sofreu alterações com mudanças nos dias e horários, devido a agenda de alguns professores. Mas, as aulas estão asseguradas em três dias, conforme estabelecido anteriormente, de acordo com a descrição abaixo:
Quarta -feira: Aula de História, com o Professor Zildembergue, das 8h às 11h( não mais terça como previsto);
Quinta -feira: Aula de Geografia, Professora Vandinha, das 14h às 17h.
Sexta feira: Aula de Biologia, Com o Professor e Enfermeiro Rômulo Sena, das 8h às 11h.

Número de mortos na Bahia sobe para 93

Só na manhã desta segunda-feira já foram registrados quatro homicídios no Estado


salvador greve
Fernando Amorim/Agência A Tarde/AE
Cerca de 600 homens cercam a Assembleia Legislativa, onde policiais militares grevistas estão acampados

O número de mortos na Bahia causado pela onda de violência após a greve da Polícia Militar subiu para 93 na manhã desta segunda-feira (6), segundo o último boletim divulgado pela SSP (Secretaria de Segurança Pública) do Estado. Só nesta segunda, foram registrados quatro homicídios.

Os números são contabilizados desde o início da greve da Polícia Militar, no dia 1º de fevereiro. O recorde de homicídios ocorreu no dia 3, quando foram registradas 32 mortes no Estado.

Nesta manhã, um ônibus escolar foi incendiado no centro industrial, em Salvador, durante a onda de violência por causa da greve. O coletivo seguia para Lauro de Freitas, na região metropolitana, com crianças e adolescentes, quando começou a pegar fogo.

Todos deixaram o ônibus antes que a situação piorasse, mas ninguém ficou ferido. A onda de violência assusta os moradores da Bahia há sete dias. Os policiais grevistas estão acampados na Assembleia Legislativa do Estado e cerca de 1.000 homens do Exército cercam o local.

No local, policiais militares grevistas acampam, junto de suas famílias, desde 31 de janeiro. O objetivo do Exército é cumprir os 11 mandados de prisão expedidos pela Justiça baiana contra os líderes do movimento, que estão no local, para, então, desocupar o prédio.

Além do Exército, homens da Caatinga e da Companhia de Operações Especiais da Polícia Militar estão nas proximidades. Segundo o tenente-coronel Cunha, ainda não há previsão de início para ação.

O abastecimento de energia elétrica do edifício foi cortado, por volta das 19h deste domingo (5), e as tropas federais fecharam o entorno da Assembleia, usando, entre outros veículos, os blindados Urutu do Exército e helicópteros. A iluminação de alguns pontos do prédio e dos holofotes instalados do lado externo é mantida por geradores de energia, usados apenas em casos de emergência.

Os policiais grevistas dizem não querer confronto com as tropas do Exército ou com os 40 integrantes do Comando de Operações Táticas da Polícia Federal (PF), que chegaram a Salvador para cumprir os mandados de prisão, mas avisam que responderão a eventuais atos de violência com violência.

Os grevistas não aceitam a proposta do governo, que é de 6,5% de aumento, retroativo ao salário de janeiro de 2012.

Fonte: R7

Exército cerca Assembleia Legislativa em Salvador para retirar policiais grevistas


Exército Bahia Greve
Ernesto Rodrigues/Agência Estado
Carros blindados da Força Nacional chegam a Salvador

Objetivo é cumprir mandados de prisão contra líderes do movimento e desocupar prédio.

Cerca de 600 militares estão cercando a Assembleia Legislativa, em Salvador, na Bahia, onde policiais militares grevistas acampam, junto de suas famílias, desde 31 de janeiro. O objetivo é cumprir os 11 mandados de prisão expedidos pela Justiça baiana contra os líderes do movimento, que estão no local, para, então, desocupar o prédio.

Além do Exército, homens da Caatinga e da Companhia de Operações Especiais da Polícia Militar estão nas proximidades. Segundo o tenente-coronel Cunha, ainda não há previsão de início para ação. 

O abastecimento de energia elétrica do edifício foi cortado, por volta das 19h deste domingo (5), e as tropas federais fecham o entorno da Assembleia, usando, entre outros veículos, os blindados Urutu do Exército e helicópteros. A iluminação de alguns pontos do prédio e dos holofotes instalados do lado externo é mantida por geradores de energia, usados apenas em casos de emergência.

Os policiais grevistas dizem não querer confronto com as tropas do Exército ou com os 40 integrantes do Comando de Operações Táticas da Polícia Federal (PF), que chegaram a Salvador neste domingo para cumprir os mandados de prisão, mas avisam que responderão a eventuais atos de violência com violência.

Cerca de 300 PMs amotinados aglomeram-se na frente da Assembleia. Marcos Prisco, líder da greve e presidente da Aspra (Associação de Policiais e Bombeiros e de seus Familiares do Estado da Bahia), fez discurso convocando toda a categoria na noite de domingo.

Aumento da violência 

O número de mortes na Bahia desde o início da greve da PM subiu para 84, segundo informações da Secretaria de Segurança Pública do Estado. A contagem foi iniciada no dia 1º de fevereiro. Na sexta-feira (3), foi registrado o maior número de mortes, 32.

A assembleia está ocupada por policiais militares desde a última terça-feira. O movimento não tem legalidade e, de acordo com a justiça, por isso foram expedidos os 12 mandatos de prisão. Um deles já foi cumprido.

R7

domingo, 5 de fevereiro de 2012

ONDE ESTÁ A INSEGURANÇA E A SEGURANÇA NO BRASIL?


Leonardo Boff

No Brasil não há crise de segurança para o sistema do capital, para as finanças, para os bancos, para os credores da dívida pública, para os poderosos que se cercam de seguranças privados.

Mas não há segurança para aqueles que são responsáveis pela segurança pública: os policiais militares. Pelo fato de não terem a segurança de um salário decente, de condições de trabalho adequadas e de trato digno por parte do poder público, se rebelam como aconteceu neste ano no Ceará e agora na Bahia. Com os humilhantes salários que recebem, pouco mais de dois mínimos, que segurança podem dar a suas famílias que tem que pagar aluguel, escola, transporte, luz, água e alimentação?

A responsabilidade maior pela insegurança pública que se instalou em razão da greve dos policiais militares, com assassinatos e depredações, deve ser tributada principalmente ao poder público, que não soube ouvir e dialogar de verdade e não retoricamente, antecipando-se aos fatos lamentáveis.

Que diálogo e negociação são possíveis e críveis quando se responde com a arma da violência, pondo militares contra militares? É uma estratégia da ignorância política e da prepotência, totalmente ineficaz porque agrava ainda mais o problema em vez de encaminhar uma solução. Por que não se aprova a PEC 300? Os governos federal e os estaduais se uniram para protelá-la e esvaziá-la.

Usem os 60 bilhões de reais, subtraídos do orçamento, para aumentar os salários deles, ao invés de dar segurança aos credores. O que conta mais, as pessoas ou os dinheiros ricos epulões? Esse dinheiro do povo é para servir ao povo, garantindo-lhe segurança confiável e respeitosa. Seguindo esta indicação do bom-senso, se acabam as rebeliões e os policiais terão a paz e o sossego necessários para desempenhar com sentido público e com honradez a sua alta e arriscada missão.

Leonardo Boff
Ecoteólogo e escritor
Nota do Blog: O ideal para área da segurança pública é desmilitarizar à Polícia Militar e o Corpo de Bombeiro Militar, agilizar a unificação das polícias, e  proporcionar a criação de um plano de carreira para esses profissionais que doam suas vidas diariamente.

Agricultor é assassinado em Encanto/RN; Acusado foge, troca tiros com a policia, e é baleado e em seguida preso.


Encanto (RN) - Um homem foi assassinado neste sábado, por volta das 23 horas e 40 minutos na cidade de Encanto, Região do Alto Oeste potiguar. Segundo informações da Policia Militar de Encanto, o agricultor Deusdete Felizardo de Queiroz, 49 anos de idade, estava juntamente com mais três pessoas no bairro Vila Nova, quando a pessoa identificada como Marcelo Batista de Souza, 30 anos de idade, residente em João Pessoa/PB, estando em uma moto Honda Broz, cor preta, placa OCF 3221 e, sem qualquer motivo ou discussão passou a efetuar disparos de pistola 380, contra a vítima que foi atingida com um disparo na região do peito, sendo ainda socorrido para o Hospital Regional de Pau dos Ferros/RN, mas não resistindo ao ferimento, morreu. Outra pessoa (não identificada) também teria se lesionado de raspão com estilhaço dos disparos. 
Segundo informações ainda da Policia Militar, o acusado após a prática do crime evadiu-se do local com destino a cidade de São Miguel/RN, e, ao ser interceptado por uma guarnição da Policia Militar daquela cidade, o acusado reagiu e passou a efetuar disparos contra a guarnição da Policia Militar e empreendeu fuga, havendo nesse momento uma troca de tiros, o qual foi baleado, atingindo por um disparo em uma das pernas, fraturando a tíbia. 
O acusado foi socorrido para o Hospital de São Miguel, onde foi encontrando na cueca um pente de pistola 380 com 10 munições intactas.   
Ainda não se sabe os motivos que levou o acusado a cometer o crime, mas segundo informações preliminares momento antes, acusado e essas pessoas (vitima) supostamente estariam vindos de um cabaré, já que o crime ocorreu nas proximidades desse estabelecimento.
O acusado foi conduzido a Delegacia Regional de Pau dos Ferros/RN e autuado em flagrante de delito por crime de homicídio
A vitima foi encaminhada ao ITEP para ser submetida ao exame de necropsia.

Fonte: Sgt. Andrade





Membro da Família Veras é morto a tiros em frente sua residencia em Janduís/RN

Fotos: Romário Dantas/Carinha da Net

A central da Policia Militar de Janduís/RN, registrou por volta das 19 horas deste sábado 04 de fevereiro, o primeiro homicídio de 2012 na cidade.
A pessoa de Walter Martins Veras, foi executado com cerca de três disparos de espingarda de calibre 12, tendo morte instantânea.

A vitima se encontrava sentado na residência de número 84, na Rua Moises Gurgel, bairro Onésimo Maia, em Janduís, momento em que um veiculo parou em frente à residência e ocupantes passaram a efetuar disparos contra sua direção.
Informações preliminares dão conta de que o Walter foi atingido com cerca de três tiros de espingarda calibre 12.

A vitima ainda chegou a ser socorrida para o hospital em Janduís, mais já chegou naquela unidade hospitalar sem vida.

O veiculo utilizado na ação criminosa foi localizado queimado no trecho da BR 226 entre Janduís e Messias Targino, local conhecido como curva do “S”.

A Polícia Militar sob o comando o sargento Cunha encontra-se realizando diligencias pela região na tentativa de localizar os suspeitos.