sábado, 20 de agosto de 2011

Professores da UERN entregaram contraproposta à governadora

“E a UERN, governadora?”, bradavam os professores em meio ao discurso da administradora do Estado, Rosalba Ciarlini, durante a solenidade de abertura da XXIV Feira Industrial e Comercial da Região Oeste (FICRO), na noite de ontem (18). Com as manifestações da categoria docente e do Comando de Mobilização Estudantil de Mossoró (COMEM), a governadora decidiu se dirigir à comunidade acadêmica presente no Expocenter e falou sobre a Universidade.

Em sua fala, Rosalba Ciarlini destacou a importância da UERN ao mesmo tempo em que afirmou que o Estado “gasta” (não investe) meio milhão de reais, por dia, com a Universidade. Ela ainda aproveitou para usar o discurso da “herança maldita” e lamentou o estado das finanças do RN. Logo após as entrevistas para a imprensa local, Rosalba Ciarlini conversou com os professores Flaubert Torquato, presidente da ADUERN, e Neto Vale, vice-presidente do Sindicato, sobre a paralisação dos servidores. Na ocasião, os dois entregaram à chefe do executivo estadual a contraproposta da categoria.

Segundo o documento, os professores aceitam os prazos e índices de reajustes indicados pelo governo (10,65% em abril de 2012; 7,43% em abril de 2013; e 7,43% em abril de 2014), desde que aos percentuais sugeridos seja acrescida a variação da inflação acumulada no período. “Em termos de prazo estabelecido, aceitamos o princípio da proposta do governo. Entretanto, é preciso que os índices sugeridos sejam reajustados. Entendemos que a administração estadual tem plenas condições de atender a nova proposta da ADUERN”, explica o professor Flaubert Torquato.

Comando de greve

O comando de greve esteve hoje (19) reunido na sede da ADUERN e deliberou sobre a programação da greve para a próxima semana. Na segunda-feira (22), será realizado um twittaço, às 9h, em defesa da UERN. Na terça-feira (23), haverá encontro da categoria em Assembleia Geral Extraordinária, às 9h, na sede do sindicato. Na quarta-feira (24), será realizada panfletagem. Já na quinta-feira (25), acontecerá um debate sobre a pauta interna de reivindicações dos professores, às 9h, na ADUERN. Na ocasião, serão convidados dirigentes da UERN para se posicionarem acerca dessas questões.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Faça aqui o seu comentário.