sexta-feira, 15 de janeiro de 2010

Fátima Bezerra cumpre agenda pelo RN

Nesta sexta-feira, 15, a deputada Fátima Bezerra prestigia o I Festival Gastronômico de Baía Formosa. Amanhã, 16, segue viagem para o município de Caraúbas, na região oeste, onde participa da festa do padroeiro da cidade, São Sebastião.


Na segunda-feira, 18, Fátima viaja para a cidade de Parelhas, região Seridó, a convite do prefeito Francisco Medeiros (PT) para visitar obras e prestigiar, também, a festa de São Sebastião. Na terça-feira, 19, a deputada, retorna para região oeste onde participará na cidade de Upanema, da audiência pública que vai discutir a disponibilização de recursos para a construção da BR 110, que vai ligar a cidade de Upanema ao município de Campo Grande

Lívia Sonalle é entrevistada pelo portal Fátima Bezerra. Leiam:



Na manhã da última quarta-feira, dia 13, a Vereadora Lívia Sonalle esteve em audiência com a deputada Fátima Bezerra, entre outros assuntos trataram sobre algumas parcerias com o município de Rafael Fernandes a o Fortalecimento do PT na região. Confira a entrevista que o Portal da Deputada Fátima fez com a vereadora:


Portal Fátima: Como anda a parceria do Mandato da Deputada Fátima e seu mandato de vereadora em Rafael Fernandes ?

Lívia Sonalle: Em 2009, meu primeiro ano como vereadora tivemos uma parceria muito sólida com o mandato da Deputada Fátima. Conseguimos duas emendas para Rafael Fernandes, uma que possibilitou a reforma de uma quadra da cidade e a outra para a compra de um microônibus, as duas emendas estão empenhadas e em breve estaremos começando as obras da quadra e recebendo o microônibus. Recebemos também para Rafael Fernandes o Programa Esporte e Lazer na cidade.

Portal Fátima: O Programa Esporte e Lazer na Cidade, já foi iniciado?

Lívia Sonalle: Ainda não, estamos agora iniciando a fase de capacitação dos monitores, assim que acontecer esse momento daremos inicio ao programa.

Portal Fátima: E para 2010, quais as expectativas de parcerias para a cidade?

Lívia Sonalle: Bem, hoje conversamos sobre a possibilidade de pavimentação de uma via de acesso á zona rural da cidade, trecho por onde passa o escoamento da maior parte de produção de leite do município, que durante o período das chuvas, fica intransitável, caso seja possível vai ser uma obra de grande beneficio para os moradores de várias comunidades da Zona Rural.

Portal Fátima: Para encerrar Lívia, como anda o PT na Região, alguma atividade agendada?

Lívia Sonalle: Estaremos agora iniciando a comemoração de 30 anos de PT, vamos fazer uma festa logo após o carnaval para comemorar essa data como a presença da deputada que também marcou conosco uma visita é Rafael Fernandes em 05 de fevereiro.


quinta-feira, 14 de janeiro de 2010

Exército atualiza relação dos militares mortos no Haiti.

Atualizando as informações transmitidas nesta manhã, a propósito da tragédia ocorrida no Haiti, o Comando do Exército informa que o número de vítimas entre os militares brasileiros é o seguinte:
Foram confirmados os óbitos de 10 (dez) militares do BRABATT:
5º Batalhão de Infantaria Leve, sediado em Lorena-SP:

- 1º Tenente BRUNO RIBEIRO MÁRIO;

- 2º Sargento DAVI RAMOS DE LIMA;

- 2º Sargento LEONARDO DE CASTRO CARVALHO;

- Cabo DOUGLAS PEDROTTI NECKEL;

- Cabo WASHINGTON LUIS DE SOUZA SERAPHIN;

- Soldado TIAGO ANAYA DETIMERMANI; e

- Soldado ANTONIO JOSÉ ANACLETO,

2º Batalhão de Infantaria Leve, sediado em São Vicente-SP:

- Cabo ARÍ DIRCEU FERNANDES JÚNIOR e

- Soldado KLEBER DA SILVA SANTOS;

37º Batalhão de Infantaria Leve, sediado em Lins-SP.

- Subtenente RANIEL BATISTA DE CAMARGOS,
 

  Um militar da MINUSTAH:
- Coronel EMILIO CARLOS TORRES DOS SANTOS, do Gabinete do Comandante do Exército, sediado em Brasília-DF.
Além disso, encontram-se desaparecidos 04 (quatro) militares que estavam no Quartel da MINUSTAH (Hotel CRISTOPHER) e mais 03 (três) sob escombros, não localizados no Ponto Forte 22 (Casa Azul), próximo ao bairro Cite Soleil.
Há 07 (sete) feridos em atendimento no Hospital Argentino da MINUSTAH e 02 (dois) outros militares foram evacuados para a República Dominicana.
Gen Bda CARLOS ALBERTO NEIVA BARCELLOS
Chefe do CCOMSEx




Neta Carneiro Benevides será julgada hoje no Fórum Municipal de Pau dos Ferros.

Aguinalda Fernandes Benevides, popularmente conhecida como 'Neta Carneiro', vai a julgamento hoje na cidade de Pau dos Ferros. Neta é viúva de um dos mais famigerados criminosos do Rio Grande do Norte, Valdetário Benevides Carneiro.

Neta vai a júri popular acusada de ter mandado matar Elinaldo Simião Pereira. O crime foi cometido em 2006, quando Elinaldo Simião foi vítima de uma emboscada na cidade de Pau dos Ferros e acabou assassinado com vários tiros desferidos por Rogério de Lima Costa, que foi preso pouco tempo depois de ter cometido o crime, confessou a sua autoria alegando ter recebido dinheiro para isso.

O juiz José Vieira de Figueiredo Júnior, da Vara Criminal de Pau dos Ferros, presidirá a sessão do Tribunal do Júri.

Será julgado, além de Neta Carneiro, Rogério de Lima e mais quatro pessoas citadas no processo.
O julgamento está previsto para iniciar às 8h, na sede do Fórum Municipal, no bairro São Benedito e não tem hora prevista para terminar.

ENTENDA O CASO

Segundo o relatório apresentado pelo Ministério Público, os criminosos executaram Elinaldo Simião quando ele chegava à pousada Parque das Serras, no bairro São Benedito, em Pau dos Ferros.

O documento conta que os executores aguardaram a vítima fechar a porta do veículo que utilizava, um Corsa ST, de cor vermelha, placa KLA - 1786, quando se aproximaram em uma motocicleta e o surpreenderam com vários disparos de arma de fogo. Ainda de acordo com o relatório, ao perceber que Elinaldo Simião estava ferido e caído ao chão, sem esboçar reação de defesa, Rogério de Lima Costa aproximou-se e descarregou contra a vítima todas as munições da pistola Taurus, calibre 380, que trazia consigo.

O Instituto Técnico e Científico de Polícia (Itep), juntamente com o delegado encarregado do inquérito na época, Inácio Rodrigues, contaram sete marcas de balas no corpo de Elinaldo e encontraram várias cápsulas de pistola 380 próximas ao corpo. Elinaldo Simião foi atingido na cabeça, tórax e pés. Os assassinos aproveitaram o pouco movimento da rua para fugir.

Elinaldo Simião era irmão do ex-prefeito de Caraúbas, Agnaldo Pereira da Silva, também executado em uma emboscada na companhia da sua esposa Niêta Gurgel, do caseiro e de mais dois policiais militares que trabalhavam como segurança. Na época, a polícia atribuiu aos Carneiros a autoria dos crimes.

Elinaldo havia sido preso meses antes de sua morte pela Polícia Federal, em Salgueiro, no Estado de Pernambuco, e estava preso em regime semiaberto. Ele também havia sido absolvido do processo que o responsabilizava pelo plantio da droga no Sítio Sabugo.
Lula sanciona projeto de GaribaldiO.

presidente Luiz Inácio Lula da Silva sancionou ontem o projeto do senador Garibaldi Filho (PMDB) que estabelece a anistia para os policiais e bombeiros envolvidos em movimentos reivindicatórios no ano de 2007. Ao todo, serão beneficiados pouco mais de cinco mil policiais militares e bombeiros de oito Estados e do Distrito Federal.O senador comemorou a medida presidencial, afirmando que a anistia era uma questão de justiça para a categoria. "Fico feliz com a aprovação porque o projeto que está permitindo isso é de minha autoria. Mas fico mais gratificado em saber que a medida vai beneficiar mais de cinco mil pais de famílias que haviam perdido ou poderiam perder seus empregos; e agora isso não ocorrerá mais", disse.O presidente da Associação de Cabos e Soldados da Polícia Militar do Rio Grande do Norte, Jeoás Nascimento dos Santos, explicou que ontem pela manhã havia o temor de que o projeto fosse vetado porque o Conselho Nacional dos Comandantes Gerais (CNCG) encaminhou parecer pedindo o veto presidencial para a anistia.Sabendo disso, em Brasília (DF), os representantes das associações de policiais se articularam para conversar diretamente com o presidente da República e apresentar a ele argumentos que garantissem a sanção. Jeoás dos Santos contou ainda que as entidades entraram em contato com políticos como Garibaldi e a deputada federal Fátima Bezerra (PT), pedindo que ambos interviessem junto à Casa Civil para provocar a sanção. Por volta das 14h, os representantes dos policiais se reuniram com Lula e apresentaram suas razões. Após a conversa, por volta das 17h, o projeto de Garibaldi Filho foi sancionado."Foi um ato corajoso do presidente no sentido de garantir a democracia dentro dos quartéis", disse Jeoás dos Santos. Hoje a sanção deve estar publicada no Diário Oficial da União. A partir daí, as associações entrarão com os comunicados administrativos pedindo a reintegração dos excluídos e a extinção dos processos que ainda tramitam nos tribunais."Até o final do mês todos os processos estarão encerrados e os praças vão estar comemorando o ganho de cidadania com essa decisão do presidente Lula, e graças ao projeto do senador Garibaldi Filho", afirmou o presidente da associação norte-rio-grandense.O projeto que determina a anistia para policiais e bombeiros foi aprovado no Senado no último dia 17 de dezembro. Originalmente, beneficiava somente os 1.300 policiais potiguares (aproximadamente) que participaram de movimento reivindicatório por melhores salários em 2007.Durante a tramitação, na Câmara Federal, parlamentares de outros Estados onde a greve também ocorreu aproveitaram para ampliar o benefício da anistia proposto pelo senador Garibaldi Filho. O substitutivo, aprovado na Comissão de Constituição e Justiça da Câmara, estendeu a anistia aos Estados da Bahia, de Roraima, de Tocantins, de Pernambuco, do Mato Grosso, do Ceará e de Santa Catarina; e ao Distrito Federal.No Rio Grande do Norte, foram expulsos dois policiais: Jackson de Lima e Silva (soldado) e Aurivam da Silva (sargento), ambos da cidade de Mossoró. Os outros que serão anistiados respondem processos no Tribunal de Justiça ou no Superior Tribunal de Justiça (STJ).

Morre Zilda Arns, da Pastoral da Criança e Cidadã Potiguar



A fundadora e coordenadora internacional da Pastoral da Criança, médica pediatra e sanitarista Zilda Arns Neumann, morreu nesta terça-feira aos 75 anos, vítima do forte terremoto que castigou Porto Príncipe, capital do Haiti. Dona Zilda também era coordenadora nacional da Pastoral da Pessoa Idosa e viajara ao Haiti para palestrar na Conferência Nacional dos Religiosos do Caribe.

Nascidas na cidade de Forquilhinha (SC) em 25 de agosto de 1934, Zilda Arns morava em Curitiba e foi agraciada com o título de Cidadã Norte-rio-grandense por proposição da então deputada estadual Fátima Bezerra.

“Recebi com profunda tristeza a notícia sobre a morte de Zilda Arns. Ela era uma mulher extraordinária, comprometida com a cidadania e o humanismo. Deixou uma lição de solidariedade, de generosidade, de luta em favor das crianças e dos mais humildes e, acima de tudo, uma lição de amor ao próximo”, enfatizou Fátima Bezerra.

Irmã de Dom Paulo Evaristo Arns, cardeal arcebispo emérito de São Paulo, Zilda teve seu nome indicado por três anos seguidos ao Prêmio Nobel da Paz.

segunda-feira, 11 de janeiro de 2010

Tremor que atingiu RN é sentido também na Paraíba e em Pernambuco.

O tremor de terra que atingiu o Rio Grande do Norte nesta segunda-feira (11), às 12h54 (horário local), alcançou também algumas cidades da Paraíba e de Pernambuco. Em Recife, segundo informações do jornal Diário de Pernambuco, os prédios do Tribunal Regional do Trabalho (TRT) tiveram que ser evacuados porque engenheiros constataram “um balanço incomum nos prédios”.A desocupação durou 30 minutos. Os funcionários ficaram esperando em frente aos dois edifícios do TRT esperando uma definição da direção do órgão.
Além dos edifícios do TRT, o prédio do Empresarial Palmira 2 também foi evacuado após os registros dos tremores por volta das 13h. De acordo com o jornal, funcionários afirmaram que a trepidação atingiu apenas os andares mais altos - do 5º em diante.O tremor teria sido sentido em toda a região do centro do Recife. Há relatos de outros prédios desocupados na área.

Segundo o laboratório sismológico da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), o abalo em Natal e nas cidades de Taipu, Poço Branco e João Câmara (agreste potiguar) durou três segundos e registrou 3,8 graus na escala Richter. O epicentro do evento foi no assentamento Jerusalém, entre Taipu e Poço Branco.
Previdência enviará cartas aos segurados urbanos que completam as condições para aposentadoria por idade

INTERIOR - Uma boa notícia para os beneficiários da Previdência Social no Rio Grande do Norte. Os segurados urbanos que completam as condições para se aposentar por idade neste mês de janeiro vão receber carta do órgão comunicando que adquirem o direito ao benefício a partir da data de nascimento. O Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) já liberou o lote de dezembro do Aviso para Requerimento de Benefício, com 1.462 correspondências.

Recebem a carta os homens que neste mês completam 65 anos e as mulheres que completam 60. Em ambos os casos é preciso ter 180 contribuições feitas ao INSS. O aviso traz orientações ao segurado sobre como requerer seu benefício. Quem não receber o documento e tem as condições para se aposentar por idade, deve providenciar a atualização de seu cadastro, agendando atendimento pela Central 135. O INSS lembra que é necessário manter os dados sempre atualizados, pois todos os avisos são feitos por carta.

No Aviso para Requerimento de Benefício consta, além do nome e do Número de Inscrição do Trabalhador (NIT), a data de nascimento, sexo, informação sobre a quantidade de contribuições ao INSS e estimativa da renda mensal do benefício, com base nos dados do Cadastro Nacional de Informações Sociais (CNIS).

O comunicado contém também um código de segurança que permite ao segurado confirmar a autenticidade da carta, garantindo a segurança de seus dados e protegendo-o contra fraudes. A confirmação deve ser feita, pelo próprio segurado, pela Central 135 ou no portal www.previdencia.gov.br.

Para confirmar se o documento foi mesmo postado pelo INSS, ao ligar para a Central 135 o segurado precisa escolher a opção 1 e falar diretamente com o atendente. Para manter a segurança do usuário, o operador pode solicitar outros dados, além do código informado na carta.
Na internet, no campo Agência Eletrônica do Segurado, basta clicar em "Lista completa de serviços" e, em seguida, no atalho "Aviso para Requerimento de Benefício". Além do código de segurança indicado no aviso, será solicitado ao usuário que digite seu nome, data de nascimento e CPF. Se os dados estiverem corretos, aparecerá uma mensagem confirmando a autenticidade da carta.

Caso tenham interesse, os segurados que receberem a carta podem agendar o requerimento de sua aposentadoria por idade a partir da data de seu aniversário.
O objetivo da carta é informar aos segurados sobre seus direitos previdenciários. Mas, para o serviço ter efetividade, é necessário que o cidadão mantenha seu endereço atualizado junto à base de dados do INSS. O Instituto alerta que a atualização deve ser feita imediatamente após a mudança de domicílio. Caso contrário, não há como localizar o segurado e enviar com segurança qualquer correspondência.